Meu maior prazer - Fernandinho

Meu maior prazer - Fernandinho

Meu maior prazer é está contigo
Eu te quero em todo tempo
Tua presença me satisfaz
E me enche de alegria
Quero me entregar ao Teu amor
Vou me embriagar do Teu amor
Quero me entregar ao Teu amor
Vou me embriagar do Teu amor

Ouça a voz do meu amado e Ele vem
Vem saltando pelos montes, pulando pelos montes
Ele vem eu casarei com ele
Ele vem eu casarei com ele
Estou apaixonado por ti Jesus
Estou desesperado por ti Jesus
Estou apaixonado por ti Jesus
Estou desesperado por ti Jesus
Eu quero me entregar ao teu amor


Para baixar essa múscia clique "AQUI"
Para mais músicas, letras e vídeos clique "AQUI"


Leia mais . . .

Papel de Parede Evangélico - Santidade Totalmente Puro

Porque não nos chamou Deus para a imundícia, mas para a santificação.
(1 Tessalonicenses 4:7)

Clique "AQUI " e baixe mais papéis de parede.
Leia mais . . .

O Sacrifício que agrada a Deus

O Sacrifício que agrada a Deus

Com certeza, o amante da Bíblia Sagrada é abençoado através da leitura da Epístola aos Filipenses. É consolado, exortado, edificado, e cresce espiritualmente.

A carta contém assuntos doutrinários e de caráter pessoal da parte de Paulo. A síntese:

Autosacrifício


Jesus Cristo sofreu e morreu para que ganhássemos a vida eterna. E com coragem e vigor Paulo se sacrificou em seu ministério. Foi um homem que colocou sua vida a disposição do Mestre. Seu ministério esteve em primeiro lugar, para que as boas novas chegassem até os confins da terra. Como autêntico servo de Deus, foi abnegado, até o encarceramento não o impediu de anunciar Jesus Cristo como Senhor e Salvador, ensinar, fazer discípulos. Apesar de padecer bastante, ele ensinou o cristão a ser feliz.

Os exemplos de Cristo e do apóstolo nos faz entender que não devemos ser egoístas.

Unidade


As igrejas não estão imunes de ataques tentando tirar a paz, no seu meio de geração em geração surgem perturbações, questões de deslealdades e conflitos. Paulo escreveu encorajando o cristão a desprezar a queixa e trabalhar em conjunto, viver fraternalmente. Ensinou que quando estamos unidos pelo amor, a força de Cristo se torna abundante.

Vida cristã


O desenvolvimento do nosso caráter começa com a obra do Senhor realizada em nós. Entretanto, é necessário empreender esforço e autodisciplina, querer obedecer a Palavra de Deus para progredir na fé.

A alegria


Deus possibilita que o cristão conserve a alegria até nos infortúnios. A fé que o cristão tem não se origina nas circunstâncias exteriores, mas em Cristo que está dentro dele.  Paulo nos mostrou como viver uma vida cristã feliz. Jesus é nossa fonte de poder e alegria, produz a serenidade e a paz.

A saudação final de Paulo


Ao final da carta, 4.10-13, temos uma das mais bonitas expressões de confiança e contentamento que encontramos em toda a Bíblia Sagrada. O apóstolo revela que Cristo lhe dá força interior para cumprir seu ministério, afirma que Ele é a razão de sua força moral e espiritual.

O apóstolo Paulo emitiu no começo e fim de sua carta mais do que o desejo de boa sorte. Demostrando relacionamento afetuoso e sincero, ele escreveu se dirigindo para várias pessoas dentro da igreja, principalmente aos líderes. Ele proferiu bênçãos a todos, lembrando que a graça divina se estende a todos por intermédio do sacrifício vicário de Jesus na cruz.

Fonte:http://belverede.blogspot.com.br/2013_09_01_archive.html
Leia mais . . .

Esmola e ajuda - O que Deus pensa ?

Esmola, ajuda - O que Deus pensa ?

E dá a qualquer que te pedir; e ao que tomar o que é teu, não lho tornes a pedir. Lucas 6:30

Muitas vezes nos deparamos com pessoas na rua ou até nas portas de nossas casas pedindo esmola; um pouco de comida, ou dinheiro. Nossa natureza é contrária a essas práticas. Ajudar ao próximo, agir com misericórdia e compaixão, preocupar com a situação alheia, dedicar tempo para ajudar outras pessoas, tudo isso é coisa do Espírito, o Maravilhoso Espírito de Deus! Aleluias!!! 

Você pensa que Deus está preocupado com as esmola ou com seus bens materiais? Ele utiliza essas coisas como um meio de observar o nosso coração. Deus não vê a sua esmola que você dá ao mendigo na rua, ele vê a compaixão que está no seu coração que se manifesta doando alguma coisa a quem te pede. Deus não vê o dinheiro que você deixou de dar a um mendigo na rua, ele vê a maldade que está no seu coração que te fez desviar daquela pessoa para não passar perto dela evitando ajudá-la.

Não se esqueça de que a matéria veio do pó e voltará ao pó, mas você terá um destino após abandonar esse corpo que também é matéria e voltará ao pó.

Não fique abatido ou preocupado se você tenta ser bom com as pessoas e não consegue, basta você crer em Deus e pedir a ele que mude seu modo de pensar e também os seus sentimentos. Jesus morreu por nós, porque somos maus. Através da morte de Jesus Cristo o nosso acesso a Deus foi "facilitado", pois temos o Espírito Santo que é o nosso consolador e temos também o nome de Jesus Cristo que nos dá acesso direto ao Pai.
Leia mais . . .

A Inveja

Visão Bíblica da Inveja

A Inveja

Eu poderia começar falando sobre o primeiro crime que aconteceu no mundo: Um irmão matou o outro. O motivo do homicídio foi a inveja. Mas, quero abordar mais profundamente dando uma mostragem do que aconteceu com um dos homens mais consagrados da história bíblica: Davi. Tudo por causa da inveja.

Se a feitiçaria depende de informações para que a palavra feiticeira seja jogada como uma dinamite, fazendo explodir em ruínas os seus projetos, a inveja não depende só de palavras e dem de objetos para atingir uma pessoa. É muito pior que a feitiçaria. A inveja é traiçoeira, é feita com os olhos, é carregada de ódio, e a pessoa se torna presa do invejoso; é semelhante ao passarinho que fica paralisado diante do olhar magnético da serpente.

O invejoso tem no olhar o mesmo magnetismo de uma cobra. A pessoa invejosa é a mais perigosa que existe, pois o prazer dela não é em conquistar para si vitórias. O prazer da pessoa invejosa é ver a destruição de outras pessoas. A inveja é uma arma terrível, destruidora, usada no mundo espiritual pelo império das trevas. A inveja tem o poder de amarrar e puxar para trás a vida de uma pessoa, de tal forma, que até Davi reconheceu ser a inveja de seu "amigo íntimo" a causa de sua destruição.

O texto da Palavra de Deus que você vai ler, e com certeza vai marcar na sua Bíblia, nos fala que Davi não estava preparado para ser atacado por um "amigo", a quem ele chama de "amigo íntimo". O que aconteceu com o rei Davi é simplesmente assustador. Chega a causar medo em algumas pessoas saber que o pior inimigo que elas possuem está mais próximo do que elas pensam. Pode ser um vizinho, um parente ou um amigo. O invejoso, que apunhala as pessoas pelas costas conhece muito de perto a sua vida. É uma pessoa perigosa, cínica e covarde. Assim como um morcego depende do sangue de suas vítimas para sobreviver, o invejoso alimenta sua inveja assistindo a destruição do invejado.

Diz a Palavra de Deus que a inveja apodrece até os ossos de uma pessoa, ou seja, coloca o mal dentro do organismo do ser humano. Diz a Palavra de Deus: "O ânimo sereno é a vida do corpo, mas a inveja é a podridão dos ossos." (Provérbios 14:30)

A inveja seca até os ossos. O texto sagrado que você vai ler, mostra que Davi estava preparado para enfrentar o inimigo, mas não estava preparado para enfrentar o invejoso. Acredito que nhnhuma pessoa está preparada para ser traída. Davi estremecia seu coração e tinha vontade de fugir para bem longe diante de tamanha traição. Traição de um "amigo íntimo". Traição da pessoa que Davi mais confiava. A causa daquela traição foi a inveja.

É de estremecer. É de apertar o coração, assim como o próprio Davi declarou. Diz a palavra de Deus: "O meu coração está dolorido dentro de mim, e terrores da morte caíram sobre mim. Temor e tremor vieram sobre mim; e o horror me cobriu. Assim eu disse: Oh! quem me dera asas como de pomba! Então voaria, e estaria em descanso. Eis que fugiria para longe, e pernoitaria no deserto. (Selá.) Apressar-me-ia a escapar da fúria do vento e da tempestade." (Salmos 55:4-8)

Davi descobrira que quem havia armado o laço para destruí-lo não era um inimigo declarado, mas sim um inimigo oculto, que andava com ele; frequentava a casa dele; divertia-se com ele, e até na igreja ia junto com ele. Era este "amigo íntimo" o maior inimigo de Davi. Diz a Palavra de Deus: "Pois não era um inimigo que me afrontava; então eu o teria suportado; nem era o que me odiava que se engrandecia contra mim, porque dele me teria escondido. Mas eras tu, homem meu igual, meu guia e meu íntimo amigo. Consultávamos juntos suavemente, e andávamos em companhia na casa de Deus." (Salmos 55:12-14)

A inveja foi o maior desafio que Davi teve que lutar. A inveja não vinha de pessoas estranhas a Davi, e nem era uma armadilha de um gigante. A inveja é invisível aos olhos humanos. Davi estava acostumado a vencer grandes e terríveis inimigos, mas a inveja de um "amigo íntimo" foi muito traiçoeira.

Vou contar para você um pouco da história de Davi: Davi era um jovem, quando recebeu a unção de fogo através do profeta Samuel. Fogo, na Palavra de Deus significa o Poder do Espírito Santo. Davi, depois de ungido por Deus, derrubou o gigante com uma pedra, tamanha força espiritual que ele possuía. Diz a Palavra de Deus: "Davi, porém, disse ao filisteu: Tu vens a mim com espada, e com lança, e com escudo; porém eu venho a ti em nome do Senhor dos Exércitos, o Deus dos exércitos de Israel, a quem tens afrontado. Hoje mesmo o Senhor te entregará na minha mão, e ferir-te-ei, e tirar-te-ei a cabeça, e os corpos do arraial dos filisteus darei hoje mesmo às aves do céu e às feras da terra; e toda a terra saberá que há Deus em Israel; E saberá toda esta congregação que o Senhor salva, não com espada, nem com lança; porque do Senhor é a guerra, e ele vos entregará na nossa mão. E sucedeu que, levantando-se o filisteu, e indo encontrar-se com Davi, apressou-se Davi, e correu ao combate, a encontrar-se com o filisteu. E Davi pôs a mão no alforje, e tomou dali uma pedra e com a funda lha atirou, e feriu o filisteu na testa, e a pedra se lhe encravou na testa, e caiu sobre o seu rosto em terra." (1 Samuel 17:45-49)

Davi era corajoso, forte, e sua fé derrubou o gigante. Quando lemos a história de Davi encontramos nela o exemplo de homem firme e vitorioso. Vencedor de todas as batalhas, Davi não se intimidava diante dos seus inimigos. Tudo que Davi queria ele conseguia. Davi pecou gravemente, e, mesmo assim, Deus deu a ele o perdão e uma segunda chance.

Deus gostava de Davi. A Palavra de Deus nos fala que Davi era perseguido pela vitória. O reino de Davi era vitorioso. Davi era próspero e cheio de saúde. Um dia, Davi se viu cercado por muitos inimigos e mesmo assim não se amedrontou diante deles. Imagine, Davi lá embaixo num vale, tendo ao seu redor os montes, ou seja, as colinas rochosas, e em cada uma das colinas estava um exército inimigo. Davi olhava para os montes e perguntava: "De onde me virá o socorro?" Davi não acreditava no que via com seus olhos carnais. Davi acreditava no que sentia, pois o seu coração era cheio de fé e a sua alma se explodia em confiança no Deus Todo Poderoso derrubador de gigantes.

Foi nesat fé que Davi disse: "Levantarei os meus olhos para os montes, de onde vem o meu socorro. O meu socorro vem do Senhor que fez o céu e a terra. Não deixará vacilar o teu pé; aquele que te guarda não tosquenejará. Eis que não tosquenejará nem dormirá o guarda de Israel. O Senhor é quem te guarda; o Senhor é a tua sombra à tua direita. O sol não te molestará de dia nem a lua de noite. O Senhor te guardará de todo o mal; guardará a tua alma. O Senhor guardará a tua entrada e a tua saída, desde agora e para sempre." (Salmos 121:1-8)

Davi era vencedor. Davi amava a Deus, e a alegria de Davi era estar na Casa de Deus. Diz a Palavra de Deus: "Elevo os meus olhos para os montes: De onde me virá o socorro?" (Salmos 121:1)

Davi construiu templos, era ofertante, dizimista, um apaixonado pela igreja de Deus. Davi fez aliança com Deus, ganhou renome no Vale do Sal, e todos os inimigos tinham medo da força espiritual de Davi. Diz a Palavra de Deus: "Também Davi ganhou nome, voltando ele de ferir os sírios no vale do Sal, a saber, a dezoito mil. E pôs guarnições, em Edom, em todo o Edom pôs guarnições, e todos os edomeus ficaram por servos de Davi; e o Senhor ajudava a Davi por onde quer que ia." (2 Samuel 8:13-14)

O texto sagrado diz que por onde Davi ia, Deus lhe dava vitórias. Davi não invalidade sua fé. Diz a Palavra de Deus: "Os que confiam no Senhor serão como o monte de Sião, que não se abala, mas permanece para sempre." (Salmos 125:1)

Davi conquistava tudo o que ele queria, pois conhecia profundamente os segredos espirituais e sabia como agradar a Deus. Davi era um homem de sorte. Sua vida sentimental era vitoriosa. E a Palavra de Deus nos fala que a vida de Davi era um sonho, ou seja, era uma vida que todo mundo sonha em ter. Diz a Palavra de Deus: "Quando o Senhor trouxe do cativeiro os que voltaram a Sião, estávamos como os que sonham. Então a nossa boca se encheu de riso e a nossa língua de cântico; então se dizia entre os gentios: Grandes coisas fez o Senhor a estes. Grandes coisas fez o Senhor por nós, pelas quais estamos alegres." (Salmos 126:1-3)

Davi era um homem de sorte, um bem-aventurado, um herói da fé. Diz a Palavra de Deus: "Bem-aventurado aquele que teme ao Senhor e anda nos seus caminhos. Pois comerás do trabalho das tuas mãos; feliz serás, e te irá bem. A tua mulher será como a videira frutífera aos lados da tua casa; os teus filhos como plantas de oliveira à roda da tua mesa. Eis que assim será abençoado o homem que teme ao Senhor. (Salmos 128:1-4)"

Davi era um homem feliz, e não era um homem soberbo. Davi era um poderoso guerreiro e ao mesmo tempo uma criança nas braços de Deus. Diz a Palavra de Deus: "Senhor, o meu coração não se elevou nem os meus olhos se levantaram; não me exercito em grandes matérias, nem em coisas muito elevadas para mim. Certamente que me tenho portado e sossegado como uma criança desmamada de sua mãe; a minha alma está como uma criança desmamada." (Salmos 131:1-2)

Davi era um home de fé, vitorioso e alegre; um cantador. Mais que um cantador, Davi era um louvorista que gostava de estar unido com os irmãos na igreja. Diz a Palavra de Deus: "Oh! quão bom e quão suave é que os irmãos vivam em união. Eis aqui, bendizei ao Senhor todos vós, servos do Senhor, que assistis na casa do Senhor todas as noites.Levantai as vossas mãos no santuário, e bendizei ao Senhor. (Salmos 133:1 e 134:1-2)"

Davi sabia que, mesmo assim, ele tinha que vigiar muito. Davi conhecia os mistérios espirituais e as estratégias do inimigo. Todos nós temos inimigos. alguns inimigos você os conhece; outros, são ocultos, estes são os mais perigosos. Um dia, Davi orou pedindo a Deus o livramento. Diz a Palavra de Deus: "Livra-me, ó Senhor, do homem mau; guarda-me do homem violento, Que pensa o mal no coração; continuamente se ajuntam para a guerra. Aguçaram as línguas como a serpente; o veneno das víboras está debaixo dos seus lábios. Guarda-me, ó Senhor, das mãos do ímpio; guarda-me do homem violento; os quais se propuseram transtornar os meus passos. Os soberbos armaram-me laços e cordas; estenderam a rede ao lado do caminho; armaram-me laços corrediços. Eu disse ao Senhor: Tu és o meu Deus; ouve a voz das minhas súplicas, ó Senhor. (Salmos 140:1-6)"

Davi estava sempre preparado para enfrentar qualquer guerra, qualquer batalha. O que Davi não estava preparado era para enfrentar a traição de um "amigo" invejoso. Diz a Palavra de Deus: "Pois não era um inimigo que me afrontava; então eu o teria suportado; nem era o que me odiava que se engrandecia contra mim, porque dele me teria escondido. Mas eras tu, homem meu igual, meu guia e meu íntimo amigo. (Salmos 55:12-13)"

A inveja não vem de pessoas estranhas, pois o estranho não sabe nada de sua vida, nem de suas conquistas. Quantos casais já foram separados por causa da inveja de "falsos amigos" ou "falsas amigas"? Existem pessoas que têm a capacidade de murchar uma planta apenas com um olhar invejoso. O invejoso é capaz de levar à destruição uma pessoa fraca espiritualmente. A inveja é inexplicável: A pessoa que sente inveja carrega no coração um ódio que ela mesma não consegue explicar. É um tipo de revolta que ela sente ao ver você conquistar e a ter o que ela não conquistou e não teve.

Fui procurado por uma jovem que usava um lenço colorido na cabeça. Dentro do meu gabinete, ela mostrou-me a cabeça completamente calva. Ela não tinha nenhum fio de cabelo na cabeça. Em seguida, ela abriu a bolsa, e tirou uma foto dela de quando ainda possuia lindos cabelos longos. Ela me disse que seus cabelos começaram a cair a partir do dia em que uma pessoa "bateu" os olhos e pegou nos seus cabelos, fazendo elogios.

É importante dizer que o elogio faz parte do cinismo do invejoso. É como se fosse uma capa preta para acobertar e esconder um sentimento tão perverso e maldoso. O invejoso é covarde. A pessoa invejosa torna-se sua inimiga só pelo fato de te ver feliz. A sua felicidade incomoda os outros. O pior de tudo é quando você confia numa pessoa e a leva para dentro de sua casa, abrindo assim a guarda, para que ela tome conhecimento dos seus planos e conquistas. É pior do que uma torcida contrária; é pior do que um inimigo declarado; é muito pior, pois você não sabe por onde o invejoso vai lhe atacar.

É só o Sangue de Jesus na força da comunhão com Deus para guardar você de tais pessoas. Daí a importância do cristão participar da Santa Ceia dignamente, pois a Santa Ceia é a força do Corpo e do Sangue de Jesus que tem poder e garante a vitória. Autor: Pastor Adelino de Carvalho Lino
Leia mais . . .

O perigo - Pr. Vanderlei Miranda



Leia mais . . .

O melhor lugar para viver - Download

Baixe e-books gratis

O melhor lugar para viver - Download

“Quando lemos os Evangelhos, vemos Jesus. E Ele é tão diferente do que muitas vezes as pessoas imaginam. Jesus morreu ainda jovem, Ele tinha 33 anos, e o vejo do modo como Ele era: jovem. Não houve ninguém mais lindo do que Ele sobre a face da terra, mas na cruz não houve quem ficasse mais desfigurado do que Ele. Ninguém foi tão torturado quanto Ele, a ponto do profeta Isaías escrever: ‘Olhando nós para ele nenhuma beleza víamos’ (Is 53.2), não havia nada nele que atraísse, estava cheio de hematomas, todo ferido, coberto de sangue.

Vamos falar de Jesus, a pessoa mais importante da nossa vida, e para isso peçamos a Deus que ministre ao nosso coração: ‘Pai, a tua Palavra é o nosso alimento. O Senhor disse que não só de pão viverá o homem, mas de toda palavra que procede da boca do Senhor. Que a tua Palavra nos edifique, nos console, nos exorte e que possa trazer salvação e reconciliação, que corações possam ser alimentados pela sua Palavra. Conceda ao autor sabedoria e, acima de tudo, a Sua unção. Em nome de Jesus. Amém!’“
Márcio Valadão

CLIQUE NO TÍTULO ABAIXO PARA O DOWNLOAD DO E-BOOK
Leia mais . . .

A visão da grandeza de Deus

A visão da grandeza de Deus 

A visão da grandeza de Deus me mostra a cada dia o quanto eu sou pequeno para planejar a minha vida, pois tudo que eu esperei até hoje Ele me deu mais, muito mais!

Sabe, às vezes eu fico pensando o quanto Deus gosta de mim, o quanto Ele cuida de mim e quantas surpresas o Senhor me concede a todo instante.

Eu sei que você deve estar pensando que ao longo de mais de 30 anos de convertido a minha vida foi sempre um mar de rosas. Claro que não foi! Graças a Deus tive muitas lutas, já fui muito humilhado e muito injustiçado. O sucesso só vem depois de muita luta.

Sempre lutei, mas isso nunca me fez murmurar, nem reclamar de Deus e nem desanimar com a Obra.

Todo cristão que murmura, reclama da vida e desabafa com outras pessoas, demonstra fraqueza diante do inimigo.

Nem tudo o que você pensa você deve falar. O inimigo sabe o que você fala, mas não sabe o que você pensa. Quando você, na sua fraqueza, tiver pensamentos negativos, repreenda-os e não os conte para ninguém. 

Não murmure.

É muito importante entender que para obter vitórias, tem que ter lutas, e o Senhor nos chamou para lutar. Ele nos chamou para lutar e nos garantiu a vitória. De forma que, aconteça o que acontecer, você não pode perder a visão da grandeza de Deus na sua vida.

Há um momento na sua vida espiritual que você tem que assumir seu relacionamento com Deus, sem interferência de ninguém.

Isto funciona como um circuito fechado, ou seja, uma ligação direta sem interferência de nenhuma outra pessoa.

É você e Deus contra o resto. Não adianta você tentar explicar este mistério para outras pessoas que ninguém vai entender. O que você precisa fazer é apenas declarar o que o apóstolo Paulo declarou e deixou como modelo para todos nós:

Diz a Palavra de Deus:

                   "eu sei em quem tenho crido e sei que ele é poderoso..." (II Timóteo 1:12)

A voz de Deus precisa ser soberana em sua vida;insubstituível. Quando Deus fala ao coração de uma pessoa ela não deve ouvir mais ninguém: Nem parentes nem amigos e nem mesmo os irmãos de fé.

Quando Deus quer fazer algo grande em nossas vidas Ele nos faz um desafio. Foi o que aconteceu com Davi: Davi foi desafiado por Deus a enfrentar pela fé, o gigante Golias. A família de Davi logo interviu tentando desanimá-lo. Os amigos tentaram lançar medo sobre Davi. Ninguém tinha coragem para enfrentar o gigante. O pensamento do povo era continuar no comodismo da escravidão.

Mas Davi pensava diferente. Davi enxergava diferente. Enquanto o povo via em golias um gigante poderoso, capaz de derrotar qualquer guerreiro, Davi via a grandeza de Deus capaz de transformar qualquer gigante em um anão.

A realidade é o oposto da fé. Se você só acredita no que vê, você é um pobre derrotado, sem direito de sonhar e sem fé no coração.

Quem vive pela fé não acredita na realidade, pois a fé muda a realidade.

Eu não acredito no que vejo, eu acredito no que sinto pela fé que Deus colocou no meu coração através da presença, dentro de mim, do Espírito Santo.

Na realidade, Golias era um guerreiro poderoso que causava medo: Um gigante Nefilin (raça de pessoas descendentes da união de filhos de Deus com os filhos do diabo).

Deus abomina a união de filhos da luz com filhos das trevas.

Os Nefilins eram uma raça de gigantes gerados com a participação de demônios do inferno. Um cruzamento de gente com demônios - uma geração má e perversa que causava medo.

Para entender quem eram os Nefilins, é preciso entender que os espíritos têm poder para se materializarem. Tanto os anjos de Deus, como os demônios podem se materializar em forma de seres humanos.

Davi enfrentou um gigante Nefilin porque enxergou nele um frágil e pequeno guerreiro. Se para todos, Golias era um gigante, para Davi, Golias não passava de um anão. Você entendeu?

A fé muda a realidade; a fé leva você a enxergar conforme a visão da grandeza de Deus.

Davi cantou: "Grande é o Senhor e mui digno de ser louvado."

Só Deus é grande. Tudo o mais é pequeno... muito pequeno; anão.

Se você pensar como o povo pensa, você só verá gigantes ao seu redor e contra você. Mas se você pensar segundo a grandeza de Deus, todos os seus problemas se tornarão anões... muito pequenos... pequenos mesmo..., diante de uma grande fé num grande Deus. Aleluia!!!

Autor: Pastor Adelino de Carvalho Lino
Leia mais . . .